SEJA BEM VINDO (A)!

Agradeço pela grata visita, espero poder contribuir, através de meus serviços, na melhoria da sua qualidade de vida, seja com a prestação de serviços de forma presencial ou no esclarecimento de suas dúvidas via blog.







terça-feira, 31 de agosto de 2010

PENTÁCULO DO BEM-ESTAR

  1. COMPORTAMENTO PREVENTIVO;
  2. ATIVIDADE FÍSICA;
  3. NUTRIÇÃO;
  4. STRESS;
  5. RELACIONAMENTOS.

BAIXA APTIDÃO CARDIORRESPIRATÓRIA

  • BAIXA CAPACIDADE DE TRABALHO;
  • FADIGA PREMATURA NO TRABALHO E LAZER;
  • MAIOR RISCO DE DOENÇAS CARDIOVASCULARES.

POUCA MOBILIDADE (flexibilidade reduzida)

  • PROBLEMAS POSTURAIS;
  • LIMITADA PARTICIPAÇÃO EM ATIVIDADES ESPORTIVAS/RECREATIVAS;
  • MAIORES RISCOS DE LESÕES MUSCULARES E ARTICULARES;
  • DORES LOMBARES.

MUSCULATURA DÉBIL (baixa aptidão muscular)

  • PROBLEMAS ARTICULARES MAIS FREQÜENTES;
  • PROBLEMAS POSTURAIS;
  • LESÕES MUSCULARES MAIS FREQÜENTES;
  • DORES LOMBARES;
  • MAIOR RISCO DE QUEDAS EM IDOSOS.

COMPOSIÇÃO CORPORAL

MASSA GORDA

  • GORDURA ESSENCIAL: gordura mínima necessária para o metabolismo;
  • GORDURA SOBRESSALENTE: gordura acumulada, dependendo da pessoa, essa gordura pode ser prejudicial, ou não.
MASSA MAGRA

  • OSSOS;
  • MÚSCULOS;
  • VÍSCERAS;
  • ÁGUA;
  • ÓRGÃOS;
  • SANGUE;
  • OUTRAS SUBSTÂNCIAS.

OBESIDADE: IMPLICAÇÕES PARA A SAÚDE

  • Maior incidência de doenças cardiovasculares;
  • Morte prematura;
  • Hipertensão;
  • Diabetes;
  • Artrite degenerativa;
  • Doença dos rins;
  • Menor resistência orgânica;
  • Mais problemas posturais;
  • Pior qualidade de vida.

ÍNDICE DE MASSA CORPORAL (IMC)

IMC - uma maneira simples e prática de se determinar se a massa corporal (peso) de uma pessoa está dentro do recomendável para a saúde.

IMC= massa corporal (kg)
         altura x altura (metros)
             
IMC                                 CLASSIFICAÇÃO

até 18,4                            baixo peso
18,5 - 24,9                        faixa recomendável
25 - 29,9                           sobrepeso
30 - 34,9                           obesidade I
35 - 39,9                           obesidade II
40 ou mais                        obesidade III

FREQUÊNCIA CARDÍACA MÁXIMA DE ACORDO COM A IDADE

FCmáx = 220 - idade

IDADE                          FC máxima

15                                  205 bpm
20                                  200 bpm
25                                  195 bpm
30                                  190 bpm
35                                  185 bpm
40                                  180 bpm
45                                  175 bpm
50                                  170 bpm
55                                  165 bpm

PROCEDIMENTOS GERAIS NUM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS

  • Avaliação da condição geral de saúde;
  • Estabelecimento de objetivos e interesses;
  • Avaliação da condição inicial;
  • Escolha dos tipos de atividades adequadas;
  • Estabelecimento da dosagem inicial;
  • Desenvolvimento das sessões;
  • Registro e controle das atividades;
  • Avaliação periódica.

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

PRIMEIROS PASSOS

  1. CONSULTAR-SE COM MÉDICOS ESPECIALISTAS, PARA REALIZAR DIAGNÓSTICOS E/OU LIBERAR PARA A PRÁTICA DE EXERCÍCIOS FÍSICOS;
  2. ADQUIRIR MATERIAIS ADEQUADOS PARA A PRÁTICA DE EXERCÍCIOS, TAIS COMO: TÊNIS, SHORTS, CAMISETAS, MEDIDOR DE FREQUÊNCIA CARDÍACA, RECIPIENTE PARA HIDRATAÇÃO, ETC.;
  3. MODIFICAR PEQUENOS HÁBITOS QUE IMPEÇAM DE MANTER UMA VIDA MAIS ATIVA E SAUDÁVEL;
  4. PROCURAR ATENDIMENTO DE UM PROFISSIONAL HABILITADO E CAPACIDADO PARA PRESCRIÇÃO E ACOMPANHAMETO DAS ATIVIDADES;
  5. INICIAR UM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS FÍSICOS, RESPEITANDO OS PRINCÍPIOS DO TREINAMENTO FÍSICO, PRINCIPALMENTE A INDIVIDUALIDADE BIOLÓGICA.

sábado, 21 de agosto de 2010

DIFERENCIAIS DO TREINAMENTO PERSONALIZADO

  • Atendimento e acompanhamento individualizado;
  • Maior atenção na supervisão e correção dos exercícios;
  • Possibilidade de variação de modalidades e atividades de exercícios;
  • Comodidade na escolha e variações nos locais para execução das aulas;
  • Escolha de horários compatíveis com disponibilidade e rotina diária;
  • Elaboração de programas com objetividade e eficiência;
  • Maior motivação causada pela presença do Personal Trainer.

PERSONAL TRAINER

É um profissional formado em Educação Física que tem por finalidade o trabalho de maneira individualizada, através da prescrição e acompanhamento de exercicios físicos, respeitando os princípios do treinamento esportivo, na busca dos objetivos dos seus alunos.